Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em nome do amor

É em nome do amor, e talvez por amor. É com nome próprio e de alma própria. É o lugar onde as palavras são mais do que elas. São simplesmente aquilo que quero que sejam, amor.

Em nome do amor

É em nome do amor, e talvez por amor. É com nome próprio e de alma própria. É o lugar onde as palavras são mais do que elas. São simplesmente aquilo que quero que sejam, amor.

Perdoa-me

Perdoa-me. Estás livre desse peso. Se não o fizesse arriscaria viver numa mágoa infinita. Sugar-me-ia a racionalidade e esquecer-me-ia de quem sou. Perdoar não é saber-me fraca, é saber que nenhum amor sobrevive sem perdão. Antes que ódio te matasse, perdoei-te.

tumblr_mtjoszl0wu1qjkapko1_500.jpg

 

2 comentários

Comentar post