Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em nome do amor

É em nome do amor, e talvez por amor. É com nome próprio e de alma própria. É o lugar onde as palavras são mais do que elas. São simplesmente aquilo que quero que sejam, amor.

Em nome do amor

É em nome do amor, e talvez por amor. É com nome próprio e de alma própria. É o lugar onde as palavras são mais do que elas. São simplesmente aquilo que quero que sejam, amor.

Haverá luz ao fundo do túnel?

Falhaste de novo. Iludiste-me. Ludibriaste-me. Fizeste-me acreditar. No teu rosto li vontade, na tua pele senti suor, no teu corpo gana. A realidade não se adulterava. Debatiaste heroicamente, exausto, sem força e com pouca assertividade. E mesmo com toda a minha energia positiva não foste capaz. Sentiste o peso da não vitória, o desânimo de onze milhões. Carregaste-o noventa minutos e ainda o sentes em todas as manchetes dos jornais nacionais e internacionais, e mesmo que não os queiras ler, as redes sociais invadem-te, agrindo-te. Lava a cara, deixa-te de conversas mansas, e mostra-me o que tens guardado. Debate-te, luta, e não desistas antes de terminar. O impossível é genial e fará de ti, herói, uma vez mais.

large.jpg

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.